Na 24ª Sessão Ordinária Vereadores apresentam indicações para melhorias em diversos setores no município.

por Giva publicado 19/09/2018 22h25, última modificação 19/09/2018 22h38
Os Vereadores da Câmara de Porto Murtinho apresentaram indicações para melhorias em escolas e bairros durante sessão.

Durante sessão mensal que ocorreu nessa terça-feira, 18, na câmara de vereadores de Porto Murtinho, foram apresentadas diversas indicações pelos vereadores. As solicitações foram focadas nas áreas de infraestrutura nos bairros, saúde e educação.

Indicações dos Vereadores

Elbio Balta e Jayme Evandro solicitam a manutenção na Rua Capitão Cantalice entre a Avenida Laranjeiras e Alfredo Pinto, os moradores procuraram os vereadores na tentativa de amenizar o problema que vem causando sérios transtornos para quem passa pelo local.

Em outra indicação, os vereadores solicitaram manutenção e retirada de entulhos e lixos na Rua 13 de Junho no Bairro Salim Cafure.

Elbio Balta solicitou também a limpeza da vala localizada no quilômetro seis, o vereador esteve no local conversando com os moradores onde foram retratados os problemas que eles enfrentam quando acontecem as chuvas que acabam invadindo várias residências.

Vereador Flávio Abreu solicitou cascalhamento na Rua 15 de Novembro no Bairro Dom Pepe, é necessário urgentemente que seja feito a manutenção dessa via, mesmo que haja uma previsão de asfalto, comentou o vereador.

Maria Donizete dos Santos requereu informações sobre as medidas que estão sendo executadas tratando da doação de casas aos moradores da Rua Carandá que constantemente são afetados pelas chuvas. Donizete solicitou a secretaria de infraestrutura a retirada de lixos e entulhos na Rua Margarida e Bom Jesus, no bairro Salim Cafure. Em outra indicação a vereadora solicitou a SANESUL para que envie uma equipe para desobstruir um esgoto localizado na Rua 15 de Novembro com a Rua Luiz de Albuquerque, a vereadora comprovou que existe um problema sério de entupimento na rede de esgoto e no período chuvoso os moradores acabam sofrendo com o retorno das águas em suas residências. Maria Donizete solicitou também iluminação próximo a ponte de saída do Bairro Dom Pepe, na Rua General de Oliveira.

Vereadora Sônia Ferreira requereu informações ao executivo a respeito do programa Lote Urbanizado, e também solicitou reparos na estrutura da tampa de esgoto especificamente na Rua Coronel Ponce esquina com a Rua Tenente Antônio João, que no momento pode causar acidente.

A vereadora Zilda Duré solicitou a secretaria de infraestrutura que seja feita a vistoria necessária na ponte localizada na Rua Capitão Cantalice, a ponte foi recentemente restaurada, porém após as últimas chuvas vem ocorrendo erosões danificando a estrutura. Zilda requereu do executivo cópias do contrato de alugueis de dois caminhões caçamba e um caminhão pipa.

Fátima Vidotte solicitou a UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados) e UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) a disponibilidade de um curso gratuito de graduação na aldeia indígena Alves de Barros. Em outra indicação Fátima Vidotte solicitou a secretaria de Assistência Social do município para que envie uma equipe nas aldeias para fazer o recadastramento do cartão Bolsa Família. Fátima solicitou a troca de lâmpadas e reparos na rede de internet da escola da aldeia indígena Barro Preto.

Rodrigo Fróes Acosta apresentou um requerimento solicitando diretamente aos deputados estaduais e senadores da bancada do estado, valores e destinos de emendas enviadas ao município.

Rodrigo solicitou reparos na iluminação pública em todo prolongamento da estrada vicinal do quilômetro seis e também no antigo “Matadouro”, a indicação do vereador é um pedido dos moradores da região.

Em outra indicação, o vereador Rodrigo Fróes Acosta encaminhou ao presidente do Sindicato Rural e ao executivo um pedido de acordo entre proprietários rurais do município para que utilizem o comércio local no momento de fazer compras de consumo de seus funcionários. De acordo com Rodrigo grande parte dos proprietários rurais optam em fazer essas compras diretamente por atacado, desta forma as vendas nos comércios locais do município vêm diminuindo cada vez mais. “Todos acabam sentindo essa diferença, o dinheiro não circula nos comércios e até mesmo as pessoas que fazem fretes acabam ficando seu o seu trabalho”. Comentou o vereador.

Projetos de Lei

Foi aprovado em segunda votação o projeto de Lei que altera a Lei orgânica no qual impõe o direito de o legislativo empenhar emendas parlamentar. Também em segunda votação foi aprovado o projeto de lei que autoriza a doação de uma área pública a um particular que ocupa o local há mais de 40 anos no Bairro Salim Cafure. 

O presidente do Rodrigo Fróes agradeceu a presença de todos e ressaltou a importância da participação da comunidade que cada vez mais se faz presente e fez o convite para a próxima sessão que está marcada para o dia 25 de setembro às 18 horas na Câmara Municipal.